Cooperativismo de crédito é destaque em Santa Catarina

26/11/2014 19:22

Cooperativismo de crédito é destaque em Santa Catarina
Sistema Cresol é um dos principais do estado

    A história do cooperativismo de crédito no estado de Santa Catarina teve seu início em 1932, com a constituição da Caixa Rural União Popular de Porto Novo “Sparkassen”, atual município de Itapiranga. A cooperativa de crédito catarinense mais antiga, que ainda hoje está em funcionamento, atua no regime de livre admissão de associados no extremo oeste e, com ela, a expansão deste segmento ganhou força e destaque no estado.
    De acordo com a apresentação realizada durante o VI Fórum Banco Central sobre Inclusão Financeira pelo representante da Organização das Cooperativas do Estado de Santa Catarina (Ocesc), Rui Schneider da Silva, as cooperativas estão presentes em aproximadamente 98% dos municípios de Santa Catarina, através de 810 pontos de atendimento, sendo que o Sistema Cresol aparece na quarta posição do ranking, com 141 pontos. No âmbito dos consolidados, a Cresol também aparece na quarta colocação, com 86.762 associados,
R$ 687 mil em operações de crédito e R$ 400 mil em depósitos totais.
    A participação do cooperativismo de crédito no Sistema Financeiro Nacional é de 3,1% em empréstimos e 2,6% em depósitos. No entanto, na região Sul estes índices atingem níveis maiores, sendo 8,8% de participação nos empréstimos e 10,1% nos depósitos. Nacionalmente, o destaque fica com o estado catarinense, com participação de 11,91% nos empréstimos e 17,40% nos depósitos. O Sul do país também tem resultados expressivos, concentrando 46% dos empréstimos e 52% dos depósitos de todo o cooperativismo de crédito nacional. Já no âmbito do crédito rural, o Sistema Cresol se destaca ainda mai
s, aparecendo na segunda colocação, com R$ 384,5 mil em volume e 31,88% na participação.
    Conforme Silva, as perspectivas
para o futuro do cooperativismo de crédito no estado de Santa Catarina são fusão e/ou incorporação de cooperativas, profissionalismo de funcionários e dirigentes, aumento da participação no litoral catarinense, aumento da participação nos grandes centros, mais investimento em comunicação e marketing, conscientização das vantagens do cooperativismo, perpetuação do cooperativismo através de trabalhos com crianças e adolescentes, aprovação da Lei Cooperativista Estadual, regulamentação do Ato Cooperativo, acesso direto a recursos oficiais e reformulação da Lei do Cooperativismo.
_____________________
Assessoria de Comunicação da Central Cresol Sicoper
Fonte
s: Banco Central do Brasil e Ocesc

Voltar

  

Contato

Cresol Dona Emma

(47) 3364 0035
(47) 3364 0360

Central de Atendimento CresolCard  0800 704 7500

Ouvidoria CRESOL Central Sicoper 0800 648 2300

© 2017 Todos os direitos reservados.